Cruzeiro no Caribe e a temporada de furacões

By in ,
0 0 0 Sem Comentários

furacao

Quer fazer um cruzeiro pelo Caribe mas está com medo da temporada de furacões? Então se segura que a gente vai dar todas as dicas para você fazer uma viagem de navio com toda a tranquilidade.

Antes de qualquer coisa, você deve saber que a temporada de furacões no Atlântico Norte acontece normalmente entre o começo de junho e o fim de novembro, justamente os meses mais quentes da região. É impossível dizer com certeza quando os furacões vão se formar, mas o histórico mostra que o Caribe sofre mais entre a segunda quinzena de agosto e a primeira quinzena de setembro. Mas isso não impede que você faça sua viagem do sonhos nesta época!

Com as modernas tecnologias de hoje, tanto nos radares meteorológicos como nas embarcações, é muito difícil que o seu navio seja surpreendido na rota de um furacação. Mas é bem possível que seu cruzeiro tenha que fazer alguns desvios de rota (e cancelar alguns portos de parada) durante esta época. Ou seja, conte com o inesperado.

O site Cruise Critic fez um guia bem completo para quem quer viajar de navio durante a temporada de furacões no Atlântico Norte e deixa três dicas principais:

Procure boas ofertas

– Nesta época, é possível conseguir bons preços nos cruzeiros que fazem as principais rotas do Caribe, especialmente durante o ápice histórico de furacões (agosto/outubro). Mas tenha sempre em mente que o cruzeiro pode ter de “pular” algumas paradas para evitar entrar na rota de uma tempestade.

Seja flexível

– Saiba que você pode encontrar dificuldades para chegar aos portos da Flórida, ponto de partida da maioria dos navios, caso o sul dos Estados Unidos esteja sendo afetado por um furacão. E isso nos leva à terceira dica…

Faça um seguro

– Tenha certeza de que seu seugro de viagem cobre possíveis cancelamentos ou adiamentos do seu cruzeiro por motivos de ‘força maior’.

No geral, você não deve se preocupar muito ao reservar um cruzeiro nesta época do ano. As companhias de cruzeiro já têm bastante experiência para lidar com os furacões e já têm as rotas traçadas de modo a ter alternativas caso haja um grande tempestade.

Ou seja, se um navio deveria atracar em St. Marteen, mas a ilha está na rota de um furacão, ele pode desviar para alguma outra ilha ou até mesmo ficar alguns dias a mais sem parar em portos. E, fique atento, você não terá reembolso caso o navio não faça todas as escalas que deveria fazer na rota contratada.

Para ver mais algumas dicas sobre como enfrentar a temporada de furacões no Caribe, veja o posto completo do Cruise Critic!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *